Cristãos no Irã: Portas Abertas realiza mobilização

Por em 23.08.22

Nos últimos dias, os cristãos iranianos têm sofrido diversas perseguições, e elas estão sendo denunciadas no mundo todo. O grupo Portas Abertas se mobilizou para pedir a interrupção das ações contra os cristãos.

Cristãos que possuem origem muçulmana, são impedidos de irem a igrejas aprovadas pelo governo iraniano, assim, o único meio são reuniões secretas em casas.

O recém cristão convertido Mohammad Golbaz, de 34 anos, foi preso por agentes enquanto trabalhava na região central do Irã, ele foi preso no dia 30 de julho, e ficou em lugar desconhecido sob a guarda dos agentes. Os pais de Mohammad tiveram notícias dele apenas no dia 3 de agosto, via ligação telefônica.

Até o momento, não há informações a respeito de acusações oficiais contra ele. No entanto, o procurador do caso disse que o rapaz é um apóstata e por isso, ficará preso mais algum tempo.

O caso de Mohammad não é o único. A exemplo disso, o cristão Anooshavan Avedia, de 60 anos, foi condenado pela Suprema Corte a cumprir pena de 10 anos, por ser rebelde e perturbar a religião sagrada do islã.


Reader's opinions

Leave a Reply


Atos FM – SD

na trilha da sua vida

No AR Agora

Title

Artist

Ativar Notificações Ativar Não ativar